• Início ♥
  • Sobre ♥
  • Contato ♥
  • Layouts ♥
  • Resenhas ♥
  • Parcerias ♥
  • Rádio ♥
  • 30 outubro, 2014

    Resenha: Filme Helter Skelter


    Lançamento: 2004 (2h17min).
    Dirigido por: John Grey.
    Com: Jeremy Davies, Clea DuVall, Allisson Smith.
    Gênero: Ação, Suspense, Drama.

    Sinopse: Linda Kasabian (Clea DuVall) é uma jovem mulher que tem uma pequena filha, Tanya. Sem ter para onde ir, ela acaba indo viver com Charles Manson (Jeremy Davies) e sua "família". Logo ao chegar Linda é separada de Tanya, pois uma das regras impostas por Charles é que todas as crianças ficassem juntas e longe dos pais. Sem opção, Linda aceita esta situação. Logo ela constataria, para seu desespero, que este era o menor dos problemas, pois os membros da "família", orientados por Manson, cometiam brutais mortes. As vítimas eram desconhecidos, mas na visão ensandecida de Manson o que faziam era algo positivo. Os integrantes da "família" se divertiam em executar pessoas, mas aquele ritual para Linda era inaceitável, sendo doloroso para ela ser obrigada a participar destes acontecimentos com "Tex" Watson (Eric Dane), Susan "Sadie" Atkins (Marguerite Moreau), Patricia Krenwinkel (Allison Smith), "Squeaky" Fromme (Mary Lynn Rajskub) e Bobby Beausoleil (Michael Weston). A vida de Linda, como as dos outros membros do grupo, gira ao redor de Manson, que está desesperado em gravar seu disco e também frustrado com o progresso lento que está sendo obtido por seu protetor, Dennis Wilson (Christopher Jacobs), o baterista dos The Beach Boys. Manson está certo que uma guerra internacional entre brancos e negros acontecerá em razão dos assassinatos cometidos por sua "família", pois ele tenta fazer parecer que os crimes foram cometidos por negros - os quais Manson detesta -, o que faria com que os brancos queiram acabar com os negros.



    Como estamos no mês de Halloween eu decidi nesse finalzinho de mês trazer duas resenhas de filmes que se encaixam nesse gênero.
    Helter Skelter é um filme que conta a história real dos assassinatos cometidos na California dos anos 60 pela "Família Manson", que era composta por várias pessoas, em sua maioria por jovens que fugiam de casa, e se juntaram a Charles Manson.
    Em 9 de agosto de 1969, um pequeno grupo de seguidores de Charles Manson invadiu uma casa alugada por Roman Polanski, assassinando sua esposa Sharon Tate — que estava grávida de oito meses — e mais quatro amigos do casal.
    Na noite seguinte, o mesmo grupo invadiu a casa de Rosemary e Leno LaBianca, matando o casal. Os assassinatos de Sharon Tate, seus amigos e do casal LaBianca por membros da "Família Manson" ficaram conhecidos como Caso Tate-LaBianca.
    No filme nós conhecemos todos os detalhes sobre o caso e também sobre a "Família Manson". Através dele nos percebemos o quão doentia é a mente de Charles Manson. O que mais me abisma nessa história é a maneira fácil com que ele manipula todos da sua "família", que acreditam em tudo o que ele fala, e seguem todas as regras que ele dita. Ele inclusive convence todos que moram com ele de que ele é o próprio Jesus Cristo, dá pra acreditar nisso?
    É um filme forte principalmente pelo fato de ser uma história real, e de você saber que toda essa maldade realmente aconteceu.
    É um filme que recomendo para quem gosta de filmes de serial killers ou de suspense, já que o mesmo retrata uma história real.

    26 comentários:

    1. Que resenha ótima , amei ! Olha quando se fala em filme de terror é comigo mesmo ,a mo de mais , eu levo muito susto , mais gosto ! Quero muito assistir esse filme , nunca tinha nem ouvido falar nele , mas gostei bastante e quero assistir !

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi Emerson!
        Eu também amo o gênero! É um dos meus favoritos :D.

        Excluir
    2. Olá!

      Eu sabia da existência do livro, mas não do filme. Obrigada pela resenha, vou assisti-lo! :D No filme Anabelle, tem uma referência à Helter Skelter, bem interessante. Eu concordo com você, a mente humana pode realmente ser doentia a ponto de ser quase inacreditável.

      Beijos!

      www.livroseflores.com

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Que legal que gostou Ju! Ainda não assisti Anabelle, mas quero fazer isso em breve....

        Beijão ;*

        Excluir
    3. Tinha visto a respeito essa semana, fiqueeei com muita vontade de ver esse filme.
      Parece interessante.
      beijos
      http://masenstale.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Que bom que gostou! O filme é bem interessante para quem curte o gênero!

        Excluir
    4. Olha nunca ouvi falar desse filme, mas sinceramente não sou muito de filme e nem de livro de terror. Já não faz muito meu gênero. Mas pra quem gosta é um prato cheio pelo que vc contou ai. Eu sinceramente já prefiro filmes mais leves. Sou bastante medrosa hahahaha

      O Engraçado que quando eu era mais nova, 13 14 anos eu via bastante filmes de terror, mas hoje em dia nem chego perto. Vai entender né?

      Enfim...Se cuida linda

      lovereadmybooks.blogspot.com.br

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Que interessante Silvana! Eu sempre gostei de filmes de terror desde quando era bem mais nova e nunca mudei de opinião...rsrs

        Beijão :*

        Excluir
    5. Olá tudo bem?
      Nunca ouvi falar desse filme, mas faz super o meu gênero já está na minha lista para assistir
      Eu sou daqueles que assiste mas durante todo o filme fica com aquele pensamento ''é só uma ficção''.
      Parabéns.
      http:literaturaparaosaber.blogspot.com.br
      Amei seu blog e já estou curtindo e seguindo, aguardo sua visita..

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Que legal que você goste do gênero Vinicius, espero que assista e que goste bastante....

        Abraço!

        Excluir
    6. Oi Maiah!
      QUE TENSO esse filme, hein? Não sei se veria, estou acostumada com terror, mas acho esse tema de serial killer meio pesado =/ Ainda mais que é baseado em uma história real, rs.
      Mas nunca tinha ouvido falar e é uma boa dica pro Halloween ;)
      Beijos
      http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Bem tenso mesmo Carol, o tema é realmente bem pesado e isso só se intensifica pelo fato de ser real a história.

        Beijão :*

        Excluir
    7. Oláaaa!!
      Não gosto desse gênero, tenho muito medo. Geralmente eu assisto com os meus amigos, mas sempre me perguntam se eu tenho alguma sugestão eu digo que não. Se me perguntarem falarei o nome desse filme, estou curiosa(e com medo).
      Beijossss

      http://our-constellations.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi Ana, rsrs
        Já eu adoro o gênero, e minhas amigas, mãe, namorado não gostam pois tem medo, então acabo assistindo sozinha.

        Beijão :*

        Excluir
    8. Eita, Maiah! Cruz-credo, fui lendo a sinopse e ficando cada vez mais branca! xD Definitivamente eu não assistiria, iria ficar com muita raiva da existência dessas pessoas, ainda mais sendo baseado numa história real! :O
      Beijos!

      www.bibliophiliarium.com

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Ah Tici, você definiu bem um dos sentimentos que sentimos ao ver o filme, é impossível não sentir repulsa por essas pessoas.

        Beijão e obrigada pela visita :)

        Excluir
    9. Não sabia da existência desse filme, mas é um gênero que eu gosto, apesar deste filme parecer ser forte, pois é baseado em fatos reais. Mas irei baixa-lo aqui e espero gostar. Ótima dica, Maiah!
      Beijo,
      http://pactoliterario.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    10. Olá Maia!!!
      Como sempre, versátil em seus posts! Ainda não tinha ouvido e nem lido nada referente a este filme. Deve ser porque tenho uma certa resistência por terror, mas como estou em um ano de quebra de paradigma, quem sabe não me rendo e tento assistir?!
      Beijos
      Ariana Silva
      http://ariabooks.blogspot.com.br/2014/10/livro-anjo-mecanico.html

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Quem sabe né Ari? Não custa tentar linda!
        Beijão ;*

        Excluir
    11. Nossa bem tenso esse filme. Mesmo no clima "Halloween", acho que não conseguiria assistir não. Mas para quem gosta, é uma boa pedida.

      Beijocas,
      Carol
      www.pequenajornalista.com.br

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Esse filme, eu realmente só recomendo para quem gostar bastante do tema, pois é um filme forte!

        Beijão ;*

        Excluir
    12. Até ler tua resenha a única coisa que eu conhecia com esse título era uma música dos Beatles. Quando a gente vê filmes como esse, baseado em uma história real, ficamos incrédulos com o ponto que o ser humano pode chegar. Eu, pelo menos, fico sem palavras, embora haja tanta atrocidade hoje e saia sangue da TV sempre que assistimos ao jornal.

      Autor de A Página Certa
      www.laplacecavalcanti.com

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Oi Laplace, tudo bem?
        Eu adoro essa música dos Beatles...Haha
        E foi nela mesmo que o psicopata Manson se inspirou para criar o "Helter Skelter" que se você ver o filme ou pesquisar na net, vai entender melhor o que é.
        Agradeço demais sua visita!

        Abraço.

        Excluir
    13. Oi Maiah,
      Ah, eu não sou muito fã de filmes de terror inspirados em histórias reais. Sei lá, parece que é como pisotear a dor das famílias e se aproveitar disso. O caso é bem conhecido, especialmente nos EUA e ainda choca as pessoas por conta dessa crueldade. O cara era completamente louco e ninguém nunca nem desconfiou. Absurdo.

      Beijos,
      Mari Siqueira
      http://loveloversblog.blogspot.com

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Pois é Mari, concordo em parte com você, mas acho que se a família estiver de acordo não tem nenhum mal...
        O cara é realmente louco, incrível o fato das pessoas acreditarem que ele era Jesus! Fico me perguntando quem é mais louco nessa história, ele ou seus seguidores.

        Beijão :*

        Excluir