• Início ♥
  • Sobre ♥
  • Contato ♥
  • Layouts ♥
  • Resenhas ♥
  • Parcerias ♥
  • Rádio ♥
  • 08 outubro, 2016

    Resenha: As Cores da Vida - Kristin Hannah


    As Cores da Vida foi escrito pela autora Kristin Hannah e lançado recentemente pela Editora Arqueiro, que gentilmente nos cedeu esse exemplar.


    O livro tem um total de 352 páginas, divididas em 2 partes, com 30 capítulos mais o prólogo. A tradução foi feita por Flávia Souto Maior.


    A diagramação está simples, porém bem agradável, com páginas amareladas, um fonte de bom tamanho e margens e espaçamentos que proporcionam uma leitura confortável.


    Sinopse: Uma arrebatadora história sobre irmãs, rivalidade, perdão e, em última análise, o que significa ser uma família. As irmãs Winona, Aurora e Vivi Ann perderam a mãe cedo e foram criadas por um pai frio e distante. Por isso, o amor que elas conhecem vem do laço que criaram entre si. Embora tenham personalidades bastante diferentes, na verdade são inseparáveis. Winona, a mais velha e porto seguro das irmãs, nunca se sentiu em casa no rancho da família e sabe que não tem as qualidades que o pai valoriza. Mas, sendo a melhor advogada da cidade, ela está determinada a lhe provar seu valor. Aurora, a irmã do meio, é a pacificadora. Ela acalma as tensões familiares e se desdobra pela felicidade de todos – ainda que esconda os próprios problemas. E Vivi Ann é a estrela entre as três. Linda e sonhadora, tem o coração grande e indomável e é adorada por todos. Parece que em sua vida tudo dá certo. Até que um forasteiro chega à cidade... Então tudo muda. De uma hora para a outra, a lealdade que as irmãs sempre deram por certa é posta à prova. E quando segredos dolorosos são revelados e um crime abala a cidade, elas se veem em lados opostos da mesma verdade.

     As Cores da Vida foi escrito pela autora Kristin Hannah e publicado no Brasil pela Editora Arqueiro. O livro traz a arrebatadora história das irmãs Grey, Winona, Aurora e Vivi Ann. Elas perderam a mãe logo cedo e foram criadas por um pai frio e distante, que nunca as tratou com amor.
    O único amor que essas meninas conhecem é o que criaram uma pela outra, durante esses anos difíceis da infância, o que fez das três inseparáveis.
    Mas nem só amor permeia o relacionamento dessas irmãs, há também muita rivalidade, intriga, inveja e perdão.

    A história se inicia no ano de 1979, pouco tempo após a perda da mãe, e se prolonga até o ano de 2008.
    Ao decorrer das páginas nós somos apresentados as três irmãs, e passamos a conhecer bem a personalidade de cada uma delas. Winona é a irmã mais velha, e a mais centrada da família. Ela é uma advogada bem sucedida, mas que tem uma alta estima baixa por conta do seu peso.
    Aurora é a irmã do meio e a grande conciliadora das irmãs, ela é casada, tem dois filhos e está sempre buscando deixar todos felizes.
    Vivi Ann é a irmãs mais nova e a mais indomável de todas, ela é muito linda e querida por todos da cidade e é também a preferida de seu pai, o que causa muito ciúmes em Winona.


    "Se havia uma verdade que Vivi Ann conhecia muito bem, era de que a perda, assim como o amor, tinha um começo, mas não um fim."

    Tudo ia bem e caminhava normalmente na vida das irmãs, até que um forasteiro chega a cidade e muda completamente a vida da família Grey.
    Uma história cheia de amor familiar, de inveja, ciúmes, mas também de reconciliação e principalmente de perdão.
    Uma história onde temos um amor tão profundo e verdadeiro que nada poderá fazer com que ele acabe, nem o preconceito, nem as injustiças e nem mesmo o tempo.

    Esse é o 2° livro que leio da Kristin Hannah e estou simplesmente apaixonada pela escrita dessa autora.
    Hannah traz em suas obras histórias tão apaixonantes e cativantes que é simplesmente impossível não amar.
    Uma história emocionante e sem dúvidas diferente de tudo que já li. Deixou meu coração apertado em vários momentos e me fez torcer para que tudo terminasse bem para todos.
    As relações familiares são muito bem desenvolvidas e os personagens são muito cativantes e bem construidos.

    "Algumas coisas não podiam ser esquecidas, mesmo com muito esforço. Humilhação. Perda. Inveja. Eram emoções que ficavam surgindo na superfície. No Final, é muito cansativo mantê-las escondidas."

    O livro é quase todo narrado em 3° pessoa, com exceção dos trechos do diário do filho de Vivi, que são narrados em 1° pessoa por ele.
    A trama é muito bem desenvolvida e nos conquista desde as primeiras páginas. A escrita da autora é bem clara e muito envolvente, o que nos prende completamente a essa leitura.
    A história tem uma carga de drama muito emocionante, mas a autora procura sempre dar uns toques de leveza a história.
    É muito bacana acompanhar o relacionamento das irmãs ao decorrer dos anos, e ver que mesmo com tantos acontecimentos ruins e tantos sentimentos permeando essa relação, o amor que elas sentem uma pela outra sempre acaba ficando em primeiro ligar.

    As Cores da Vida traz uma história linda e emocionante, que me fez sorrir, chorar entre outros tantos sentimentos que me assolaram ao decorrer dessa leitura.
    Recomendo expressamente esse livro a todos os leitores, pois uma história tão linda como essa merece ser lida
    Essa história sem dúvidas entrou para a minha listinha de livros favoritos e que eu quero reler mais pra frente.
    Mais uma história maravilhosa e inesquecível de Kristin Hannah, autora que já virei fã, mesmo tendo lido apenas dois livros dela. Já estou ansiosa para futuramente conhecer mais alguma de suas histórias.

    "No final, o importante não eram os rompimentos na corrente, mas os elos."

    Classificação:

    12 comentários:

    1. Eu li esse livro recentemente e é uma obra encantadora. Também é meu segundo livro da autora e ela me surpreendeu novamente. Eu gostei muito de como tudo se desenvolveu e de acompanhar os capítulos do filho da Vivi Ann.

      ResponderExcluir
    2. Olá
      Eu ainda não li nada dessa autora,,mas tenho muita curiosidade, não nesse livro, mas em outro. Achei a sua resenha bem bacana, gosto quando um livro trás diversos sentimentos para a gente. Essa é a segunda resenha que leio da obra e todas duas foram bem empolgante como a sua. Até mais vê
      Bjs

      ResponderExcluir
    3. Li apenas um livro da autora e fiquei encantada, com vontade de ler mais coisas, por isso, esse aqui, já está na minha lista de desejos. Espero ler e que aconteça comigo o que aconteceu com você: sorrir e chorar, se emocionar!!!
      MEU AMOR PELOS LIVROS
      Beijos

      ResponderExcluir
    4. Olá!! :)

      Eu não conhecia este livro mas ainda bem que gostaste tanto dele, ao ponto de o adicionares aos teus favoritos!! :) A capa e linda mesmo!

      Eu gosto muito de narrativas de 3 pessoa, ainda que prefira muito mais as de 1ª! :) ahah QUe bom que foste invadida por tantos sentimentos assim! :)

      Boas leituras!! ;)
      no-conforto-dos-livros.webnode.com

      ResponderExcluir
    5. Olá Maiara,
      Já ouvi muitos elogios para essa autora, mas ainda não li nada dela, acredita?
      Achei muito interessante a premissa desse livro e a forma como a autora parece trabalhar os sentimentos familiares é bem interessante. Estou me perguntando que forasteiro é esse que mudou tudo e vou anotar a dica.
      Fico muito contente que você tenha gostado da leitura e espero que leia muitos outros livros dela que te agrade.
      Beijos,
      Um Oceano de Histórias

      ResponderExcluir
    6. Eu ainda não li nada dessa autora e me arrependo, pois todas as resenhas que eu vejo falam muito bem de sua escrita. Estou precisando de um drama emocionante desses, que ao mesmo tempo é leve. Gostei da premissa! A capa é muito bonita.
      beijos
      www.apenasumvicio.com

      ResponderExcluir
    7. Olá!
      Já vi várias pessoas falando muito bem desse livro, mas ainda não tive a oportunidade de ler nada da autora. Gosto muito de livros que trabalham famílias, então fiquei muito curiosa com esse. Fiquei muito curiosa sobre esse tal forasteiro rsrs
      Beijos.
      http://arsenaldeideiasblog.wordpress.com/

      ResponderExcluir
    8. Olá, me encantei pela forma com como você me repassou tudo o que o livro pode proporcionar. Toda essa hist´ria que se desenrola, como as irmãs passam por problemas e como buscam sua felicidade. Não conhecia nada da autora, mas já me tornei fã.

      ResponderExcluir
    9. ooooi
      eu já havia lido outras resenhas sobre esse livro e e sempre falaram deste livro do mesmo jeito que voce mencionou (sorrir, chorar e outros sentimentos)
      Você trabalhou bem as palavras e transpareceu bem como se sentiu "pós-leitura"
      Esse livro subiu mais um degrau na minha lista depois da sua resenha!
      Beijoos ☕

      ResponderExcluir
    10. Se é narrado em terceira pessoa eu já gostei. Parece mesmo ser uma história bem emocionante, principalmente por explorar bastante o amor fraternal entre elas. O enredo parece ser totalmente instigante e desenvolvido, e fiquei ainda mais interessada no livro quando vi que você o favoritou.
      Um abraço!

      http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    11. Olá Ma, tudo bem?
      Lembro quando soube desse lançamento, fiquei com muita vontade de lê lo, mas são tantos livros que sempre esqueço algum,rs.
      Amei a resenha e a capa é linda!
      Beijos!

      http://excentricagarota.blogspot.com.br

      ResponderExcluir